Pesquisar

Agenda Taurina

quinta-feira, 5 de abril de 2018

Algo Tem de MUDAR...


A decisão de Luis Castro, presidente da Casa de Pessoal da RTP, de incluir Recortadores num sexto toiro na próxima Corrida TV/Norte, em Julho na Monumental de Póvoa de Varzim, está, como ontem noticiámos, a gerar uma onda de protesto nas redes sociais, onde surgiu já (Facebook) o cartaz de cima, onde se afirma que "a Festa Brava não é um circo".
Curiosamente, ninguém protestou em Fevereiro do ano passado quando na praça do Campo Pequeno, no Festival Bullfest (cartaz ao lado), promovido pela Federação Prótoiro (que congrega as várias associações de artistas tauromáquicos) aconteceu precisamente o mesmo: actuaram seis cavaleiros, três matadores de toiros, um grupo de forcados (selecção) e o último toiro foi para Recortadores...
Luis Castro disse ontem ao "Farpas" que "ninguém pode duvidar de que sempre respeitei a Festa, a tradição e os seus artistas", mantendo a decisão de incluir este ano no cartel da Corrida TV/Norte os Recortadores"Serão a novidade da corrida deste ano na Póvoa de Varzim. As corridas televisionadas não podem apenas ter em conta os três ou quatro mil espectadores que estão na praça, mas também os mais de um milhão que ao longo da noite acompanham em suas casas a transmissão".
Apesar de alguns cavaleiros já se terem recusado ao empresário da praça da Póvoa de VarzimJoão Pedro Bolota (Aplaudir) a participar nesse inovador formato de cartel, o jornalista e presidente da Casa de Pessoal da RTPgarante que, com polémica ou sem polémica, a corrida deste ano vai ter cartel composto por cinco cavaleiros, dois grupos de forcados (ou três) e Recortadores, que darão o seu emotivo espectáculo no último toiro da noite.
O assunto promete fazer ainda correr muita tinta até Julho...

Noticia e Texto do BlogSite "Farpas"

Sem comentários:

Mensagem mais recente Mensagem antiga Página inicial

Arquivo Semanal